Borussia não conseguiu conter o campeão Europeu

Esta segunda rodada da Liga dos Campeões Europeus começou esta terça-feira. Os gigantes Real Madrid e Manchester City venceram com relativa facilidade seus jogos, ainda que o time Espanhol tivesse um teste mais difícil.

Com dois gols de Cristiano Ronaldo, que já soma quatro esta época na liga milionária, mostrou que o arranque de época na liga espanhola não corresponde ao seu valor atual e apresentou ainda um Bale em grande plano, demonstrando que só um Isco no seu melhor o tem relegado para o banco de reservas consecutivamente.

O Borussia pouco pode fazer e nem o gol da estrela do time, Aubameyang assustou os Madridistas. Boa vitória, na Alemanha, frente ao principal oponente neste grupo H.

Manchester City sai na frente

O Manchester City, com um trio atacante de respeito, composto por Sané, Aguero e Jesus, dominou os Ucranianos do Shakhtar Donetsk, vencendo com dois gols sem resposta e segue na frente do seu grupo, com duas vitórias. Apesar de ainda estarmos em fase inicial, dificilmente deixará de conseguir a classificação para a próxima fase, restando saber quem acompanhará os Ingleses nas oitavas, Napoli ou Shakhtar deverá ser a dúvida.

O time Italiano, com Insigne a comandar o elenco, venceu o Feyenoord com um bom jogo de equipe, gols de Insigne, Mertens e Calejon. Os Holandeses somente reduziram em tempo de descontos, apesar de terem, ainda, falhado um pênalti.

Sevilla na liderança do grupo E

Depois de uma primeira rodada com dois empates, o grupo E viu o Sevilla escapar na liderança, vencendo o elo mais fraco do grupo, o Maribor, com um hat-trick de Ben Yedder, novo herói na Andaluzia. Do outro lado, o Liverpool arrancou um empate na Rússia, frente ao Spartak Moscovo, depois de ter estado a perder, com o inevitável Coutinho a faturar frente a Rebrov.

Gelsenkirchen, 2004 e o líder Besiktas

Houve surpresa no Mônaco, com o time Português do F.C. Porto a reeditar o resultado da final da Liga dos Campeões em 2004 em Gelsenkirchen, vencendo o conjunto local por três gols, sem consentir nenhum contra. Aboubakar foi a estrela da partida, faturando por duas vezes, mas Marega, com duas assistências para gol, esteve também em bom plano.

Layun marcou o outro gol dos Dragões, que convenceram, ao fazer um jogo taticamente perfeito frente ao campeão Francês. Este, apesar de ter perdido vários jogadores no último defeso, continua a ser uma equipe temível. No outro jogo do grupo, o líder Besiktas, continua a mostrar credenciais, vencendo sem grandes dificuldades os Alemães do Leipzig, com gols de Babel e Talisca.

Vemos os favoritos de cada grupo a perfilarem-se na sua liderança, com vagas em aberto em especial para o segundo posto, que também permite a classificação para as oitavas. A terceira rodada poderá trazer mais novidades e definir um pouco mais as coisas, mas começa a parecer que o mais forte vai imperar na frente de cada um dos grupos que jogaram esta terça-feira.

[Total: 4    Average: 4.8/5]