Já o jornal OJogo dizia e falava de uma ascensão meteórica. O FC Porto tem aqui uma prova de fogo em Portimão, mas o pior não é só a visita ao Algarve. Cinco é o número de pontos de vantagem sobre os rivais (apesar de o Benfica se ter aproximado com a vitória na Mata Real), mas cinco são também as ausências para Sérgio Conceição.

O Portimonense vs FC Porto promete e não só. As duas equipas já se cruzaram por duas vezes e a equipa do Algarve deixou sempre moça e surpresa, mesmo tendo perdido os dois jogos. Durante um percurso inigualável, o FC Porto parece imbatível neste campeonato, mas hoje há uma prova realmente muito grande. A hora de Dalot chegou.

Portimonense vs FC Porto | A hora de Dalot

Já muito se disse, já muitos quiseram e até o eterno rival levou nega. 10 anos de casa mas apenas 18 anos de idade. Diogo Dalot prepara-se para assumir a titularidade, enfrentar a dificuldade de jogar na esquerda e ganhar a frieza e responsabilidade de fazer com que todos os portistas não se lembrem que Telles existe. Uma tarefa quase impossível.

O jovem defesa é realmente um jogador de luxo. Saltitando de equipa A em equipa B e até dando um pézinho nos júniores na Youth League, Dalot continua a surpreender e a dar que falar. Quando se estreou pela equipa A assistiu Aboubakar para o segundo golo frente ao Lusitano de Évora. Mas hoje é a sério e não há erros que sejam perdoados.

Um campeonato de “contra tudo e contra todos”

Perante um campeonato onde os programas televisivos insistem em desconcertar o que é certo do que é errado, onde o VAR continua o seu projeto VARgonhoso e onde o Conselho de Arbitragem insiste em errar sempre para o mesmo lado, ainda temos o excremento auditivo de Rui Vitória quando diz: “Vamos lutar contra tudo e contra todos”. Realmente é de rir.

Será que o senhor treinador do clube do regime consegue contabilizar os danos causados ao seu clube pelo VAR (+7) e os pontos retirados ao FC Porto graças a isso (-6)? Será que tem noção que se o VAR fosse competente estaria a 18 pontos do FC Porto? É que realmente parece impossível não nos rirmos com isto. Mas vamos deixar o Derrota ser feliz.

Portimonense vs FC Porto | Não vacilemos e venceremos

Neste jogo do Portimonense vs FC Porto, a equipa de Sérgio Conceição tem duas alternativas: vencer ou vencer. A 5 dias do clássico com o Sporting, é essencial manter a vantagem sobre os rivais e preparar o jogo de 6f de maneira a deixar o Sporting a 8 pontos. Realmente não temos vacilado. Contra o Estoril todos pensaram que íamos quebrar, mas não aconteceu.

Sempre que perdemos algum jogador, todos pensavam que íamos cair. Mas não aconteceu. Um novo Dragão erguia-se a cada queda e mais forte do que o anterior. Sérgio Oliveira aproveitou queda de Danilo. Marega de Soares. Soares de Aboubakar. E até Maxi rendeu muito bem Ricardo. Não parámos. E agora é Dalot que vai assumir. Já tivemos também Reyes em excelente plano na queda de Marcano. Não há dúvida que o grupo está muito forte.

O segredo da vitória é esse mesmo: o grupo. Casillas para as redes do FC Porto. Dalot, Marcano, Felipe e Maxi. Sérgio Oliveira, Herrera e Otávio. Marega, Brahimi (ou Paulinho ou até Warris) e Soares. Eu sinceramente ando desiludido com Brahimi e penso que o banco não lhe ficava nada mal. Mas o mestre Conceição é que sabe. E o que ele decidir, vai ser para a vitória! Força Porto, vence por nós!

[Total: 2    Average: 5/5]

2 Trackbacks