O bom filho ao FC Porto volta

Querem melhor prova que o FC Porto é um dos grandes clubes mundiais? Depois de Pepe, um dos melhores centrais do mundo ter decidido voltar ao clube a custo zero, desta vez é o talentoso Ricardo Quaresma quem manifesta uma enorme vontade de possivelmente terminar a sua enorme carreira no seu clube de coração.

De facto, o FC Porto e os seus adeptos, além de acolherem bem os seus jogadores, são o ilustre exemplo de uma casa que deixa os seus craques crescerem para mais tarde poderem levantar voo. Querem melhor exemplo do que aconteceu recentemente com Éder Militão?

Não conseguem esquecer o clube

Não são só os grandes resultados que ditam se um clube é grande ou não. A forma como cada instituição trata os seus jogadores é um dos fatores principais para o sucesso dentro e fora dos relvados.

Mesmo ainda sem grandes possibilidades financeiras, até porque os 50 milhões reservados para a venda de Éder Militão só chegam em junho, o FC Porto tem recebido as notícias do outro lado da Europa. Mais concretamente da imprensa turca, que um dos seus pupilos mais amados e talentosos, o mago Ricardo Quaresma, manifestou uma enorme vontade de poder mais uma vez espalhar a sua magia no Estádio do Dragão.

Um plantel de luxo sem dinheiro

Graças à reputação do FC Porto em todo o mundo, o clube portista deu-se ao luxo de formar um plantel de enorme qualidade sem gastar muito dinheiro. Além dos muitos jogadores que regressaram de empréstimo e têm demonstrado valor para poderem defender as cores azuis e brancas, esta enorme vontade dos grandes jogadores do passado portista quererem mais tarde regressar a um local onde já foram muito felizes, fazem com que o clube possa contar com peças de grande qualidade para atacar todas as frentes, incluindo a Liga dos Campeões.

Será que Jackson também volta?

Vale a pena também realçar a possibilidade de regresso de um dos melhores avançados das últimas décadas do FC Porto, Jackson Martínez. Apesar de estar com muitas limitações físicas, o que fez com que tivesse sem jogar por um período superior a um ano, o grande jogador colombiano suporta as dores constantes e está a conseguir brilhar ao serviço do Portimonense.

Foi há poucos meses que a imprensa portuguesa garantiu que esta passagem inesperada do craque colombiano por Portimão apenas serviria como uma breve escala para aquele que pode ser o destino final da carreira de Jackson Martínez, o FC Porto. Caso isso se verifique, e o Ricardo Quaresma faça exatamente o mesmo trajeto que o compatriota Pepe, Besiktas para o FC Porto, o clube portista pode ver três das suas maiores glórias deste milénio pendurarem as botas na sua casa. Querem me dizer que isto não é a prova da grandiosidade do FC Porto?

Gostou deste artigo? Por favor, compartilhe! E deixe o seu like no nosso Facebook! É muito importante para nós. Além disso, pode também, se desejar receber as crónicas em primeira mão, subscrever a newsletter (não fazemos spam).

[Total: 7    Average: 5/5]