Fim de mais uma jornada Europeia, mais concretamente, da Liga dos Campeões, e uma coisa é certa: o Benfica não vai jogar mais na Europa este ano, exceto o último jogo com o Basileia em que se arrisca a acabar com 0 pontos nesta suava participação.

O Sporting e o FC Porto vão lutar até ao fim, no entanto, só os Dragões dependem de si mesmo para passarem à fase seguinte. O Sporting precisa de vencer em Camp Nou e esperar que o Olimpiacos faça um brilharete diante da Juventus. Será possível? Logo veremos.

Uma Europa sem e-mails

O futebol Português está a viver uma autentica série Netflix. São investigações atrás de investigações e acusações atrás de acusações. São alianças atrás de alianças e falta de originalidade por parte do Benfica. O suposto Tetra-campeão andou a ganhar os campeonatos à custa de uma corrupção alarmante. Andou a brincar aos piriquitos e aos padres. Não respondem ao conteúdo dos e-mails e até imitam o FC Porto com um suposto novo nome para o clube: Futebol Clube do Polvo. E eu a pensar que esse já existia. No entanto, o FC Porto não tem nada a esconder e comenta diretamente os casos. Não se escondem por detrás de uma fachada e continuam a ser os melhores a nível desportivo. Já o Benfica…sem padres, não vai longe.

Na Europa não há e-mails, logo não há pontos! É interessante como um clube com o grupo mais atrativo para passar, um clube que é cabeça de série, um clube que se diz o melhor da Europa, um clube que tem um treinador que “sabe a dimensão do clube na Europa”, um clube sério e com adeptos organizados, só pode ser um clube que bate recordes. Pior cabeça de série de sempre.

O CSKA sofria golos à 43 jogos seguidos, até chegar o Benfica e não marcar nenhum. O pior de tudo é que a comunicação social escrevia: “Benfica perto da passagem.” “Ainda é possível.” “Benfica sonha com a passagem.” e sobre o Sporting dizia-se: “Vida comprometida.” “Sporting mais longe da Europa.” e passado uma jornada: “Benfica fora da Europa.” “Sporting garante Europa.” Afinal, em que ficamos?

Os orgulhos e a vergonha

Todos nós temos pessoas que são um orgulho para nós. De uma forma ou de outra deixam-nos de queixo caído. Foi mais ao menos isso que aconteceu na Liga dos Campeões. Quase tão grave como o fim da relação de Brad Pitt com Angelina, o Benfica foi a vergonha nacional! Completamente displicentes no ataque à Europa e comprometendo o ranking de Portugal nas competições Europeias. Foi um dominó sem fim.

o FC Porto e o Sporting, este até bem mais impressionante, conseguiram elevar o nome de Portugal e fazer mais do que se esperava. O FC Porto talvez tenha deixado mais à margem o que seria suposto. Não garantiu a passagem mais cedo porque viu o Leipzig a passar-lhe a perna. No entanto, está na frente, porque o Super Maxi não dorme! Uma vitória em casa frente a um Mónaco que não está perto de uma forma aceitável, garante os oitavos de final.

Eu acredito que o Sporting possa surpreender. O problema é a Juventus perder pontos… Logo veremos. Já o FC Porto tem a faca e o queijo na mão. No entanto, Sérgio Oliveira está de fora e teremos de reinventar o meio campo. Estou curioso para esse belo jogo e ficarei à espera de uma vitória suficientemente sonante para abafar todas as mentiras lançadas no novo programa da BTV. Mas antes, há um FC Porto – Benfica…

[Total: 1    Average: 5/5]