Os oitavos dos milhões e a esperança para Janeiro!

Ontem entrámos no estádio do Dragão de coração cheio. Com esperança e com vontade de ver o FC Porto a ser a única equipa portuguesa a demonstrar o valor de Portugal no mundo. A APP do FC Porto informou-me que Otávio entraria diretamente no onze, visto que o Sérgio Oliveira não podia jogar devido a castigo. Eu fiquei super contente, no entanto, quando estou a subir as escadas diretamente para a minha cadeira de sonho, ouço o onze do FC Porto sem Otávio e com André André lá metido. Tristeza, desilusão e percebi que íamos jogar com 10 a maioria do jogo…



A primeira intervenção do André André no jogo valeu-lhe um amarelo. Confirmando tudo o que eu pensava. O que vale, é que o árbitro era uma besta e decidiu expulsar o Felipe por se ter esquivado a um golpe de direita do jogador do Mónaco. Um absurdo, mas que valeu por muito. Sabem porquê? Porque o Sérgio Conceição tirou logo o André André e meteu o Reyes. Salvou-nos assim a vida toda.

No entanto, esta foi a parte negativa do jogo. Porque quando aconteceu, já o FC Porto ganhava. Aboubakar e Brahimi brilhavam lá na frente e Marega continuava a desmontar a defesa do Mónaco com a sua capacidade física inigualável.

Aboubakar de Champions, Brahimi de sonho e um jogo QUASE perfeito

Mas que jogo destes homens! E não só! Não podemos focar-nos apenas nestes dois senhores, mas podemos e devemos elogiar a exibição deles! Brahimi e Aboubakar entendem-se de uma maneira brilhante! Não deixam que nenhuma defesa abuse deles. Mostram como se joga em Francês e perante uma equipa francesa que mesmo assim não consegue para-los!

O primeiro golo é de génio. Brahimi recebe uma bola que sobra e de primeira consegue isolar Abou, que de primeira também, demonstra o que é ser um verdadeiro ponta de lança! Estavam jogados 9min e o FC Porto já vencia! Uma entrada de sonho. Mas não ia ficar por aí. 

O FC Porto das grandes exibições estava de volta! Noutra jogada de génio, Brahimi solta a bola em Aboubakar, que mais uma vez, confirma o lugar no onze. Dá um toque ao lado e atira uma bomba rasteira. Grande golo de um ângulo extremamente apertado! Digno. A felicidade aumentava e o golo de Negredo era festejado também no Dragão. Mas não ficaria por ali.

Ainda na primeira parte, Aboubakar ia voltar a ter um lance de génio. Num toque de bola fenomenal, faz um passe à Óliver Torres que desmonta a defesa e isola Brahimi! De primeira e de pé esquerdo, o argelino faz o 3-0 e tudo fica à mercê. Primeira parte de sonho, e o FC Porto já podia descansar para Setúbal.

A segunda parte trouxe Falcão e Moutinho, mas não chegou

Entrávamos no segundo tempo e Marcano fazia uma grande penalidade acontecer. Provavelmente se tivéssemos a ver Luisão e fazer o mesmo no campeonato, não havia margem para dúvidas: “Segue, segue, segue!” No entanto, estávamos na Champions. 3-1 para o FC Porto e o Mónaco respirava para tentar salvar a exibição.

Não durou muito tempo, até que o FC Porto voltou a carregar e Alex Telles, já à anos que procurava o golo, fez um golaço! Um remate fora da área, à moda antiga que fez os adeptos do FC Porto saltar de felicidade! Eu emocionei-me e fiquei mesmo feliz pelo nosso menino, que já merecia um destes à muito tempo. 4-1 e entre os festejos e a felicidade, Falcão e Moutinho entraram…o Speaker não deixou em branco. Quando os festejos acalmaram… “…E entram, com número onze, Radamel Falcão e com número 8…João, Moutinho!” O Dragão levanta-se e grita como de um golo se tratasse! Uma ovação que mereceu cânticos para os dois ex-jogadores do FC Porto!

Não foi preciso muito tempo em campo para Falcão fazer das suas. Grande golo de cabeça, não festejou e ainda foi aplaudido pelo Dragão! Realmente há adeptos que são mesmo os melhores do mundo, e esses adeptos somos nós!



O final perfeito de Tiquinho

Já muitos iam abandonando o estádio, e eu comentava para o lado: “Estes tipos não vão ver o quinto golo do FC Porto.” E não viram… Jogada maravilhosa de Corona e Ricardo, centro perfeito do baixinho (desculpa Jesus) e Tiquinho, de cabeça e à ponta de lança, faz o quinto golo! 5-2! O FC Porto carimbava assim a passagem para os oitavos e também enchia os bolsos. Agora todos esperámos por segunda feira, dia 11 de dezembro, para conhecermos qual será a equipa que terá o azar de apanhar o FC Porto! Manchester United, espero que venhas tu.

[Total: 0    Average: 0/5]